30 de jan de 2011

Cabou, cabou?

Essa é pra Timpin que há séculos está viciado nessa música (no mínimo tá ensaiando cantar isso pra alguém). A versão original é do Forró do Muído mas essa com Xeiro Verde é muuuito melhor/mais animada.



"Dar amor a quem não me ama, é paia tô fora (oooxe, eu também)
Finge pra me ter na cama, comigo não rola (no rola)
Me deixou na solidão, mas agora eu tô de boa (isso amiga)
Tá querendo meu perdão, é Deus quem perdoa

Não dá mais, eu te amava sim
Nem a mínima pra mim, nunca mais!
Vai, tchau um abraço pra você
Me toquei, não quero nunca mais nós dois
Só cama e depois, sentimentos zero, a ficha caiu, posso ver (tava blind foi? acooorda)

Some do meu lado, eu não quero perder
Nem mais um segundo do meu tempo com você
Cabô, cabô, bobeou dançou (perdeu playboy)
Você vacilou, eu tô falando grego não tô
Cabô, cabô, bobeou dançou
Você vacilou, vai colher tudo que plantou (uuui!)"

É só eu ouvir essa música uma vez que deixo aqui no repeat também, pense! Timpas, a música é animada, se anima aí também! =D
Beijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário