8 de nov de 2010

The Fevers

Aproveitando que Paul McCartney está no Brasil, trago agora algumas músicas da banda The Fevers.Esta é da saudosa e maloca Jovem Guarda , famosa pelas versões e segundo o Last FM, "Banda brasileira de rock e pop formada no Rio de Janeiro em 1964. Fez muito sucesso na segunda metade da década de 60 e início da década de 70, vindo se consagrar nos anos 80 com as aberturas das novelas Elas por elas e Guerra dos sexos da Rede Globo. O grupo continua em plena atividade até os dias de hoje, com a seguinte formação: Otávio Henrique da Silva Monteiro (bateria) Rama (teclados e guitarra solo) Miguel Ângelo Pereira (teclados e vocais) Liebert Ferreira Pinto (baixo) Luís Claudio Elbert de Castro (vocais)". Já assisti um show deles uma vez no Festival de Seresta que tem todo ano no Marco Zero (Recife - PE) e foi muito bom! Nessas horas eu percebo como nasci na época errada... Entonces, lá vão!

Mar de rosas, versão de "I never promise you a rose garden" - Joe South
Pra baixar!

"Nem sempre o sol brilha. Também há dias em que a chuva cai". Frase perfeita, bem ppt.

Vem me ajudar, versão de "Help, get me some help" - tem com Tony Ronald e Ottawan.

Pra baixar!

Música pra mim é sinônimo de terapia, lembranças, pessoas. Qualquer música do The Fevers, qualquer, é a cara do meu pai e dos meus tios. Desde pequena esse é um dos estilos que a família mais gosta, além de samba e MPB. Enfim, minha família respira música: meu avô tocava clarinete/sax, meu pai é do violão, meu tio dos apetrechos da percussão (tampa de garrafa, atabaque, triângulo), meu outro tio é do pandeiro e muganga, minha avó da maraca, meu primo da bateria e eu de inxirida, hahaha.

Mas a melhor versão é Eu sou mais eu, de Uaaaai Eme Cí Êi (YMCA)

Pra baixar!

Arrasa bee, menos na Dança dos Famosos!

2 comentários:

  1. TODO MUNDO canta junto com "Vem Me Ajudar"

    Aqui em João Pessoa, The Fevers e sua banda "cover" The Originals (oi?) eram conhecidas por serem bastante tocadas em pizzarias antes do fenômeno do "Victor&Leozismo"

    Mas eu duvido que vc conheça alguém que chore ouvindo essa daqui:

    Nathalie, Nathalie
    Não estás mais aqui
    Nathalie sem amor, o que farei

    Nathalie, Nathalie
    Já tentei te esquecer
    Foi tudo em vão
    Não sei viver sem ti

    Não me pergunte quem é Nathalie, isso tudo faz parte de um passado bem passado...

    Sim, eu sou adepto do "brega é que nem vinho: quanto mais velho, melhor"

    ResponderExcluir
  2. The Originals é a junção de uma galera do The Fevers e Renato e seus Blue Caps. O DVD deles é muuuito bom, bem roedeira e dançante.
    E Nathalie é muuuito boa, não postei dessa vez pra não ficar grande demais. Essa e outras estão por vir. =)
    Siim, brega antigo é o que há! Os novos também, mas os antigos tem um quê de sofrimento impressionante.
    =*

    ResponderExcluir